João Pessoa
Feed de Notícias

Campinense e Treze inauguram gramado padrão Fifa do estádio ‘Amigão’

quinta-feira, 29 de novembro de 2018 - 17:03 - Fotos:  Divulgação

O novo gramado padrão Fifa do Estádio Amigão, em Campina Grande, será inaugurado no dia 19 de dezembro com o sejel gramado do amigao CG pronto para jogos1clássico entre Campinense e Treze. Os dois times farão um jogo amistoso comemorativo. Com investimento de aproximadamente R$ 1,4 milhão pelo Governo do Estado, o novo gramado, além de contar com a qualidade dos padrões internacionais, também possui moderno sistema de irrigação e drenagem.

“Será uma noite marcante para o futebol de Campina Grande e da Paraíba, pois o novo gramado possui qualidades internacionais para a prática do futebol e nada melhor do que um clássico para sua inauguração. Depois de 43 anos, a principal praça de esportes da Rainha da Borborema ganha um novo local para as disputas futebolísticas”, frisou o secretário Executivo de Esporte e Lazer, José Marco.

A implantação do gramado padrão FIFA é a segunda grande intervenção que o Governo do Estado realiza em Campina Grande já que, em 2014, toda sua estrutura física foi revitalizada, com a recuperação de vestiários, cabines de imprensa e bares reformados. Também é destaque a impermeabilização da arquibancada e da marquise, que possuía um grave problema de infiltração. Na área externa, o estádio ganhou pista de cooper e área de lazer, pavimentação do estacionamento para os torcedores, além de um elevador para a crônica esportiva.

“Sem dúvida, essa implantação do novo gramado já é a segunda grande intervenção que o Governo do Estado realiza no Amigão pois, há quatro anos, houve um investimento de cerca de R$ 30 milhões, onde tanto a parte interna, quanto a externa do estádio foram contempladas. Agora, em 2019, a cidade terá dois clubes no Campeonato Brasileiro, pois o Treze ascendeu à série C e o Campinense disputará a D e o Amigão pronto para os grandes eventos esportivos”, lembrou o secretário.

Economia – O novo gramado do Estádio Amigão, em Campina Grande (PB), implantado pelo Governo da Paraíba, por meio da Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado (Suplan), proporcionará uma economia mensal para o estádio de cerca de 40% de água. Além da nova grama e dos novos sistemas de drenagem e irrigação do campo, está sendo concluída uma adequação do sistema de drenagem de todo o estádio, corrigindo falhas de infiltração em vestiários, banheiros e túneis, e aproveitando essa água para uso na irrigação do campo. Na obra de execução do gramado esportivo com sistema de drenagem e irrigação do Estádio Governador Ernani Sátiro “O Amigão”, estão sendo investidos R$ 1.372.330,46, com recursos próprios do Tesouro Estadual.

Segundo a engenheira Simone Guimarães, os antigos problemas de infiltrações foram resolvidos. “O projeto foi desenvolvido para captação automatizada da água, por meio de quatro bombas de sucção. Quando a água atinge determinado nível, as bombas são automaticamente acionadas e direcionam a água para um reservatório de 30 mil litros, localizado atrás do gol e antes abastecido pela Companhia de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa). Também foi instalado outro sistema de bombeamento para direcionar parte dessa água aos reservatórios do sistema de irrigação do gramado. No total, a água reaproveitada chega a 850 mil litros por mês”, explicou a diretora-superintendente da Suplan.

De acordo com a empresa Campanelli, o gramado do Amigão está na reta final para sua conclusão. “Hoje, nossas equipes estão atuando basicamente nos cuidados com a grama e na sua adaptação ao local, fazendo adubação, irrigação e cortes. Porém, já é possível perceber os benefícios do nosso trabalho, que ultrapassam o gramado em si e repercutem em todo o estádio, como a obra de adequação do sistema de drenagem e aproveitamento de água”, ressaltou Miguel Campanelli, diretor da empresa que está executando a obra.

Outras informações – Além de resolver os problemas de infiltração dos túneis e vestiários, a água foi direcionada para o consumo do estádio e irrigação do gramado. Com isso, já é possível perceber uma economia de água em torno de 40%, o que é uma grande conquista para o meio ambiente, já que está se preservando um bem natural e escasso.

Das intervenções no estádio, estão a retirada da grama antiga, a construção de todo o sistema de drenagem e irrigação automatizada, top soil de 25 centímetros (camada de material arenoso de alta qualidade, que vai entre as tubulações da drenagem e a grama), adubação mineral, até chegar no plantio da grama Bermudas Celebration em sistema de big roll (rolos).

No total, foram utilizados mais de 14 mil metros quadrados de grama, incluindo as áreas fora da linha de jogo. De areia, foram mais de 250 caminhões. O tipo de grama usada no estádio é o mesmo aplicado em grandes arenas de futebol do País e garantem o “Padrão Fifa”.