João Pessoa
Feed de Notícias

Cagepa intensifica obras de esgotamento sanitário em três bairros de João Pessoa

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 - 18:26 - Fotos: 

Acompanhado por técnicos e engenheiros, o presidente da Cagepa, Deusdete Queiroga, vitoriou na tarde desta quinta-feira (10) obras de esgotamento sanitário que estão sendo executadas em três bairros de João Pessoa. Juntas, elas representam um investimento de mais de R$ 35 milhões por parte do Governo do Estado.

A vistoria começou pelo Altiplano Cabo Branco, onde estão sendo executadas obras de ampliação do sistema de esgotamento sanitário. De acordo com Deusdete Queiroga, no bairro a empresa contratada pela Cagepa acabou de concluir uma estação elevatória de esgotos e vem trabalhando na implantação de rede coletora e na instalação de ligações domiciliares.

“A determinação do governador Ricardo Coutinho é trabalhar para deixar o Altiplano com 100% de cobertura de esgotamento sanitário”, observou o presidente da Cagepa, acrescentando que as obras no bairro estão orçadas em mais de R$ 5 milhões e deverão ser concluídas até novembro deste ano.

Cidade Universitária – Do Altiplano, a comitiva, que também contou com a participação do diretor de Expansão da Cagepa, engenheiro João Vicente, seguiu para o Jardim Cidade Universitária. No bairro, segundo o presidente da Cagepa, estão sendo investidos pelo Governo do Estado aproximadamente R$ 8,4 milhões na implantação do sistema de esgotamento sanitário.

“Trata-se de uma das maiores obras em execução na área de esgoto em João Pessoa. Nossa previsão é concluir todos os servidos até novembro”, destacou Deusdete, que na vistoria desta quinta foi conferir o andamento da construção de uma das três estações elevatórias.

Cidade Verde – A vistoria foi encerrada no conjunto Cidade Verde-Mangabeira, onde o Governo do Estado está investindo mais de R$ 23 milhões na implantação do esgotamento sanitário. De acordo com o presidente da Cagepa, quando concluída, a obra beneficiará também os moradores de comunidades circunvizinhas, como Projeto Mariz, Patrícia Tomaz e conjunto do Aspom.

“Essa obra também beneficiará todo o polo turístico e futuramente servirá para coletar o esgoto daquela área do Centro de Convenções e das praias da Penha e Seixas”, explicou Deusdete, prevendo o término da obra para o mês de abril de 2014.