João Pessoa
Feed de Notícias

Bombeiros implanta pulseira de identificação para crianças no Carnaval

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011 - 08:02 - Fotos: 

O Corpo de Bombeiros Militar está implantando um processo de identificação de crianças durante o desfile dos grandes blocos durante o período pré-carnavalesco em João Pessoa para garantir a segurança dos pequenos foliões. As crianças recebem pulseirinhas que constam de informações dos pais ou responsáveis, com o nome e telefone.

As pulseirinhas são distribuídas desde este sábado (26), durante o desfile do bloco dos Atletas, nos postos instalados no cruzamento das avenidas Epitácio Pessoa e Tito Silva e no busto de Tamandaré. A ação será desenvolvida também no desfile das Virgens de Tambaú neste domingo (27) e na quarta-feira (2), quando acontece o desfile do bloco Muriçoças do Miramar, que deve arrastar cerca de 400 mil pessoas.

Além dos pontos previamente determinados, o Corpo de Bombeiros também fará a distribuição das pulseirinhas na orla marítima, através da equipe do Batalhão de Busca e Salvamento, localizado na avenida Cabo Branco, trabalho que já é feito todos os fins de semana.

Plano de Segurança – A implantação das pulseirinhas para identificação de crianças faz parte do plano de segurança elaborado para o período carnavalesco, que compreende a prévia Folia de Rua e o Carnaval Tradição em João Pessoa. Até a terça-feira (8) de Carnaval serão realizadas atividades de atendimento pré-hospitalar, combate a incêndio e salvamento.

De acordo com o plano, o trabalho dos militares do Corpo de Bombeiros acontece desde a abertura do Projeto Folia de Rua com a apresentação de várias agremiações, entre elas Picolé de Manga, Confete e Serpentina, Folia Cidadã, entre outros que percorreram as ruas centrais da Capital com término no Ponto de Cem Réis.

As viaturas de resgate estão posicionadas em pontos bases no Varadouro para garantir a prevenção a incêndios, acompanhando de forma pontuada o percurso dos grandes trios elétricos. Outras viaturas fazem rondas ao longo do trajeto dos blocos e uma equipe com bote está na Lagoa do Parque Solon de Lucena, local de dispersão dos foliões durante o Folia de Rua.

O comandante do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Jair Carneiro de Barros, disse que está sendo empregado o maior número de efetivo e, para garantir esse reforço, militares do setor administrativo participaram de treinamento aquático para trabalhar junto com a equipe do Batalhão de Busca e Salvamento.

Plantão – Além do efetivo a ser empregado especificamente no período carnavalesco, o coronel Jair informou que o plantão diário estará pronto para atender a qualquer ocorrência. “Estaremos com pessoal de plantão no quartel do Comando Geral, nos batalhões de Mangabeira e Cabo Branco e ainda a equipe de resgate do Hospital de Emergência e Trauma”, salientou.

Para o desfile do Bloco Cafuçú, que a cada ano vem crescendo em número de foliões, o Corpo de Bombeiros também montou uma atenção especial com a presença de viaturas de resgate no Ponto de Cem Réis e em frente à Catedral de Nossa Senhora das Neves. Os bombeiros se posicionarão em pontos estratégicos até que o bloco finalize seu percurso na praça Antenor Navarro.

O planejamento da segurança elaborado pelo comando do Corpo de Bombeiros foi baseado na programação distribuída pela direção da Associação Folia de Rua.