João Pessoa
Feed de Notícias

Banda de Música da Polícia Militar ensaia para desfiles da Semana da Pátria na Paraíba

quinta-feira, 20 de agosto de 2015 - 11:17 - Fotos:  Wagner Varela

A Banda de Música da Polícia Militar intensificou os ensaios para caprichar nos últimos ajustes de dobrados, marchas, hinos e canções apresentados durante as comemorações da Semana da Pátria, que antecedem o tradicional desfile de Sete de Setembro.

Para fazer bonito, são cinco horas diárias de ensaios na sede da banda, no 1º Batalhão – localizado no centro de João Pessoa, conforme relata o regente geral, capitão Edson Pequeno. “Temos aprimorado os ensaios, trabalhando algumas canções clássicas e outras mais novas, os tradicionais dobrados e também surpresas que estamos preparando para os eventos deste ano”, contou.

O regente adiantou que, neste período, são de 25 a 30 apresentações, só na região metropolitana de João Pessoa. “Fora as outras partes do estado, onde temos a banda em Campina Grande, Patos e Cajazeiras, que tocam em várias cidades paraibanas”, lembrou.

Patrimônio Imaterial da Paraíba – Às vésperas de um dos momentos mais esperados pelos músicos da instituição, a banda de Música da Polícia Militar se tornou o mais novo patrimônio imaterial da Paraíba, fato que foi oficializado esta semana com a publicação no Diário Oficial (DO) da sanção do governador Ricardo Coutinho à lei nº 10.449 de 17 de agosto de 2015.

Esta foi mais uma das conquistas do grupo que, desde 2011, recebe investimentos em sua melhoria, como a compra de túnicas, reforma e entrega das novas instalações da banda, que possibilitaram um ambiente melhor para os ensaios e a renovação de instrumentos. Para as próximas semanas, está prevista a entrega de mais 58 instrumentos de sopro e percussão.

A Banda de Música da Polícia Militar foi criada no ano de 1867 e hoje conta com 118 integrantes. Ao longo dos anos, artistas renomados saíram dos quadros da banda e ganharam destaque no Brasil e até no exterior, como é o caso do maestro Severino Araújo (da Orquestra Tabajara do Rio de Janeiro), maestro Moacir dos Santos (professor de música nos EUA), José Barreto (componente da Orquestra Tupy do Rio de Janeiro) e Jurandir Félix (Jurandir do Sax, ex-militar que ganhou destaque com a execução do Bolero de Ravel nas tardes da Praia do Jacaré, em Cabedelo).

Como parte comemorativa do Sesquicentenário da Polícia Militar da Paraíba, em 1982, a banda de música gravou o primeiro disco com repertório de dobrados, clássicos e músicas populares. Em 1985, lançou outros discos e hoje tem CD e DVD.