João Pessoa
Feed de Notícias

Atletas da Paraíba iniciam disputas nas Olimpíadas Escolares Brasileiras

segunda-feira, 26 de novembro de 2012 - 08:52 - Fotos: 

A Paraíba estréia, nesta segunda feira (26),  nas modalidades de atletismo, ginástica rítmica, judô, taekwondo, tênis de mesa e vôlei de praia, nas Olimpíadas Escolares Brasileiras categoria 15 a 17 anos. A competição acontece até 10 de dezembro em Cuiabá, no Mato Grosso. A expectativa é de uma quebra de recorde na conquista de medalhas, superando o número do ano passado, quando o Estado conquistou seis medalhas no evento realizado em Curitiba.

A cerimônia de abertura foi realizada no ginásio Aecim Tocantins. As provas são realizadas em seis locais diferentes. A maior competição esportiva estudantil do país reúne representantes de 25 estados do Brasil, mais o Distrito Federal, uma delegação da cidade anfitriã e o Reino Unido, convidado internacional com 20 atletas em três modalidades.

“Aqui estamos cuidando do que temos de melhor do futuro do esporte brasileiro. Nossa maior preocupação é proporcionar uma melhor condição de vida a estes jovens e integrá-los à sociedade através do esporte. Consequentemente, quando se envolve quase dois milhões de jovens por todo o país nas etapas municipais e estaduais, consegue-se atingir resultados para o esporte de alto rendimento. Nossa meta é atingir o maior número possível de municípios e escolas em todo o Brasil”, comentou o gerente geral de Juventude e Infraestrutura do Comitê Olímpico Brasileiro e diretor geral das Olimpíadas Escolares, Edgar Hubner.

Delegação ParaibanaDirigentes da delegação estiveram reunidos com atletas e treinadores nesse domingo (25), com o objetivo de reforçar algumas recomendações em relação ao comportamento, disciplina e motivar os participantes.

“Nossa preocupação é que, além das conquistas, a Paraíba seja um exemplo no comportamento de cada um de seus atletas. O Governo do Estado fez um grande esforço e os atletas devem representar nosso esporte da melhor maneira possível”, disse o diretor José Hugo. A comissão de dirigentes ainda conta com João Geraldo, Ricardo Ambrósio e Sandra Lucena.

Para Ricardo Ambrósio, para este ano, existe uma motivação maior com a volta do Bolsa Atleta. “Cabe a cada atleta se esforçar para entrar no programa. Já temos alguns estudantes que recebem essa ajuda que é importante para o atleta treinar, viajar para as competições”, destacou Ricardo.