João Pessoa
Feed de Notícias

Artista paulista abre exposição na Galeria Archidy Picado e participa de bate-papo com o público

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012 - 12:28 - Fotos: 

Composta por obras que retratam homicídios totalmente ficcionais, a exposição “Crimes Passionais” será aberta nesta quinta-feira (6), às 19h, na Galeria Archidy Picado da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc). De autoria da artista plástica Marcela Tiboni (SP), a mostra é mais uma das contempladas pelo Edital de Ocupação da galeria em 2012 e pode ser vista até 30 de dezembro, todos os dias, das 8h às 18h. Durante o vernissage, a expositora participará de um bate-papo com o público. A entrada é gratuita.

Uma das características marcantes no trabalho da artista é o uso da arte como próprio tema de trabalho. Em “Crimes Passionais”, ela se propôs a subverter a trama de obras consagradas, mudando o seu contexto e colocando-as em um espaço de tempo indeterminado. Nos últimos dez anos, Tiboni se debruçou sobre a arte europeia e produziu em cima dessas obras, usando fotografia, pintura e até esculturas feitas de legumes e frutas.

A proposta da exposição que chega a João Pessoa apresenta uma série de autorretratos que dialogam através da intensidade e do extremo com a arte e alguns de seus personagens. Nas obras apresentadas, a relação entre a artista e as pinturas é enxergada como um enfrentamento, um confronto, um combate. “Porém, todos estes combates ficam restritos ao universo fictício da arte, onde as armas são feitas de legumes, granadas feitas de bergamota, revólveres feitos com dedos das mãos, suicídios impraticáveis e espingardas de fotografia”, revelou a artista.

A artista – Marcela Tiboni é bacharel em Artes Plásticas pela Fundação Armando Álvares Penteado – FAAP (São Paulo/SP) e mestre em Estética e História da Arte pelo Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo – MAC-USP.

Tiboni dedica-se à fotografia. “Ainda na faculdade, identifiquei-me com a pintura, mas logo percebi a incapacidade de realizar com as mãos aquilo que meus olhos eram capazes de captar. A fotografia surgiu como uma descoberta de linguagem, fazendo-me não só criar pinturas através das lentes como ainda experimentar a tinta, a tela, as expressões e os lugares com o meu próprio corpo, metade pictórico, metade fotográfico. A partir de tais descobertas, eu e meu trabalho tornamo-nos parceiros da pintura e seus grandes pintores. A fotografia me permite habitar telas, tocar personagens, passear no tempo, inventar diálogos e propor encontros”.

Desde 2003, a artista tem exposto com regularidade em importantes espaços culturais brasileiros, tais como: Paço das Artes (São Paulo/SP, 2004), Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (Fortaleza/CE- 2005), Sesc Pompeia (São Paulo/SP-2005 e 2007), Memorial da América Latina (São Paulo/SP-2005 e 2009), Centro Cultural Fiesp (São Paulo/SP- 2008), Museu Nacional da República (Brasília/DF-2008), Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo – MAC-USP (São Paulo/SP- 2008), Instituto Tomie Ohtake (São Paulo/SP-2009) e Museu de Arte Brasileira – MAB (São Paulo/SP-2010). Suas obras também já estiveram em países como Argentina, Espanha, EUA, França e Peru.

Nos últimos anos, Marcela Tiboni recebeu diversos prêmios em concursos e salões de arte nacionais, entre eles, Prêmio Aquisição do 4º Salão de Artes do Museu de Arte Contemporânea de Jataí (Jataí/ GO -2005), Prêmio Aquisição do 12º Salão dos Novos de Joinville (Joinville/SC-2005), Prêmio Aquisição do 33º e do 39º Salão de Arte Contemporânea Luiz Sacilotto (Santo André/SP-2005 e 2011), Prêmio Aquisição e viagem para a Europa do Prêmio Visões de Mundo – Museu Nacional da República (Brasília/DF- 2008) e Prêmio Incentivo do 7º Salão de Artes do Sesc Amapá (Macapá/AP-2008). Em 2006, a artista foi contemplada com uma bolsa para estudar na Cité Internationale des Arts Paris (Paris, França), e em 2010, realizou sua primeira individual. Batizada como “Meus Mitos”, a exposição ocorreu na Galeria nuVEM (São Paulo/SP).

Serviço:

Exposição “Crimes Passionais”, por Marcela Tiboni (SP)

Abertura: 6 de dezembro, às 19h

Local: Galeria Archidy Picado (Espaço Cultural)

Visitação: 7 a 30 de dezembro, de segunda a domingo, das 8h às 18h

Entrada: gratuita