Fale Conosco

30 de outubro de 2012

Artesãs labirinteiras de Ingá iniciam curso de Corte e Costura



Cerca de 30 artesãs da Associação Rural de Pontina, localizada no município de Ingá, iniciaram nesta semana o curso de Corte e Costura promovido pelo Governo do Estado da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana (Semdh). A capacitação tem parceria do Centro de Apoio à Criança e ao Adolescente (Cendac).

“A idéia é capacitar artesãs labirinteiras  no corte e costura de modo que possam diversificar sua produção, fazendo também peças de vestuário, aumentando a possibilidade de vendas. Tradicionalmente, as artesãs faziam peças de cama e mesa, agora querem aumentar suas possibilidades e ficar mais competitivas no mercado. Estamos atendendo a demanda das mulheres da região em parceria com a associação de artesãs rurais de Pontina”, explicou a gerente executiva da Semdh, Gilberta Soares.

Neide Henrique, aluna do curso, disse que a expectativa é boa para todas as artesãs da região que almejam aumentar os conhecimentos sobre costura e garantir assim um retorno lucrativo para a família. “Meu desejo é de aprender a cortar um tecido, costurar uma roupa, e assim também aumentar a minha renda que é apenas da agricultura e do artesanato que produzo”, disse.

Neide afirma que sempre teve o sonho de costurar, mas nunca teve a oportunidade de aprender. “Costurar e bordar labirinto pra mim são sinônimos de satisfação e prazer. São tradições da região que precisam cada vez mais de incentivos como este do Governo do Estado”, afirmou.

O curso também está tendo a participação de artesãs dos municípios de Matias, Pedra Rajada, Sitio Pedra D’água e Várzea da Cana e, terá a duração de 50 dias, com carga horária 200 horas, na própria associação.