João Pessoa
Feed de Notícias

Artesanato produzido na praia da Penha ganha passarelas no desfile de Ronaldo Fraga no SPFW

terça-feira, 14 de abril de 2015 - 18:27 - Fotos: 

As biojoias produzidas pelas artesãs do projeto “Sereias da Penha”, da Associação de Pescadores da Praia da Penha, em João Pessoa, serão exibidas pelas modelos durante o desfile da grife do renomado estilista Ronaldo Fraga, nesta quarta-feira (15), às 15h, no São Paulo Fashion Week (SPFW), logo após desfile de Alexandre Herchcovitch do Instituto Tomie Ohtake. As artesãs fazem parte do Programa de Artesanato da Paraíba (PAP), que tem oportunizado a comercialização dos seus produtos em feiras nacionais.

As modelos vão desfilar com as bolsas, colares, pulseiras, arranjos de cabelos e vestuário confeccionados com muita criatividade utilizando escamas de peixe, sementes de coco, pérolas e fios de cobre. As 40 artesãs produziram as peças inéditas sob a supervisão e orientação do próprio estilista durante o mês de novembro de 2014.

O Programa de Artesanato da Paraíba (PAP) contribuiu para a divulgação das peças oportunizando as artesãs de comercializarem seus produtos durante a Craft Design – maior feira de referência em negócios, tendências, decoração e design – e, mais recentemente, no Circuito do Artesanato Paraibano, que ocorreu simultaneamente nos shoppings da Capital e Campina Grande, com o intuito de comemorar o Dia do Artesão (19 de março).

Para a gestora do PAP, Lu Maia, o trabalho das artesãs da Penha ganhará destaque nacional em um dos maiores eventos de moda do mundo servindo de inspiração e motivação para as artesãs continuarem produzindo com qualidade e eficiência. “Cheguei aqui com uma comitiva de artesãs e instituições apoiadoras para representar o Governo do Estado e o PAP. Em um meio fashion é interessante analisar como o moderno e tradicional se mesclam e se reinventam. É prova que o artesanato paraibano se renova, nunca sai de moda e consegue competir de maneira igualitária com os produtos industrializados”, disse.

Ela destacou ainda o trabalho das rendeiras conhecido em nível nacional e internacional. “Já temos a renda renascença nas vitrines mais cobiçadas do mundo da moda, publicações em revistas e utilizadas por celebridades. Agora chegou a vez das nossas sereias que trabalham tão bem com as escamas de peixe. Além disso, o evento busca valorizar as pessoas, essencial nos dias atuais”, acrescentou Lu Maia.

São Paulo Fashion Week – A 39ª do SPFW celebra 20 anos de existência e, nesta edição, fala das pessoas, o poder que elas têm no fazer, nos elos que se constroem a partir de relações e mostra a humanização da moda. Os desfiles acontecem até a próxima sexta-feira (17) no Parque Cândido Portinari, em São Paulo. Com um calendário intenso, a temporada verão/2016 abrigará exposições e muitas ações.