João Pessoa
Feed de Notícias

Artesanato paraibano é destaque na Fenearte, em Olinda (PE)

sexta-feira, 1 de julho de 2011 - 19:50 - Fotos:  João Francisco/Secom-PB

O artesanato produzido por artesãos paraibanos é destaque na 12ª Feira Nacional de Negócios do Artesanato (Fenearte), que teve início nesta quinta-feira (1º) e segue até o dia 10 de julho, no Centro de Convenções, em Olinda (PE). A delegação paraibana conta com um dos maiores espaços para exposições e com dois artistas que figuram peças premiadas, a ceramista Leila Smith e o artesão Fábio Albuquerque.

Durante a solenidade de abertura, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, premiou o cordelista paraibano José Costa Leite como patrimônio vivo da cultura e ressaltou a importância de Estados como Paraíba e Pernambuco na cultura nacional. “Temos que incentivar o artesanato e manter viva nossa cultura. Paraíba e Pernambuco têm raízes culturais semelhantes e devem investir nesse segmento. Expressão da arte e economia e desenvolvimento devem andar unidas”, frisou.

De acordo com a primeira-dama do Estado da Paraíba, a jornalista Pâmela Bório, a participação intensa dos artesãos da Paraíba em eventos como este mostra o interesse do Estado no segmento. “Estamos programando novos eventos, como uma exposição itinerante, uma brinquedoteca, dentre outras novidade. Queremos fortalecer e ampliar o programa de artesanato do Estado e dar ainda mais destaque a Paraíba”, disse.

Para a gestora do Programa de Artesanato da Paraíba, Ladjane Barbosa, a principal finalidade da participação em eventos como este é estimular a comercialização dos produtos artesanais, tendo em vista que o acesso ao mercado é um dos maiores desafios enfrentados pelo setor. “A Paraíba sempre se destaca na Fenearte. Nosso propósito é o de criar uma ambiência adequada que valorize nossas raízes e favoreça o surgimento e o fortalecimento de micro e pequenos negócios”, comentou.

O artesão Isaquiel José de França concorda com a gestora e afirma que a participação em eventos como a Fenearte favorecem as vendas. “Ampliamos nosso comércio a partir dessas participações. Vendemos para lojistas, comerciantes locais e de diversos lugares do Brasil e do mundo. É uma excelente oportunidade, especialmente para quem, como eu, tem 26 anos de experiência com trabalhos em madeira”, contou.

Fenearte – A feira deste ano tem como temática na Literatura de Cordel. Artesãos de Pernambuco, do Brasil e de 35 países se preparam para mais uma edição da maior Feira do segmento da América Latina. Até o dia 10 de julho, no Centro de Convenções de Pernambuco, arte, cultura, gastronomia, decoração, moda e música se unem para apresentar a diversidade de seus estilos e tradições em mais de 800 espaços, numa área de 29 mil m².

“Este ano temos muitas novidades para o público. Primeiro, conseguimos remodelar a planta da feira, acrescentando, assim, 500 novos expositores. Criamos novas áreas externas, como o Espaço Interferência Janete Costa, que conta com 180 metros quadrados modelados no conceito de loft. As pessoas poderão ver lá como usar na decoração as peças artesanais da feira”, explicou o coodenador da Fenearte, Ronaldo Lessa. Do lado de fora do pavilhão ficarão também a Unidade Móvel de Cordel – que terá um caminhão com exposição permanente de cordéis – e o espaço Saber e Fazer, que nesta edição apresenta artesãos desenvolvendo trabalhos de cestaria com um pequeno tear manual.