João Pessoa
Feed de Notícias

Arlinda Marques forma primeiras turmas de residentes multiprofissionais em Saúde da Criança e em Pediatria

quarta-feira, 2 de março de 2016 - 19:03 - Fotos: 

O Complexo de Pediatria Arlinda Marques, que integra a rede hospitalar do Estado, iniciou na tarde desta quarta-feira (2) a programação alusiva à formatura das turmas de residentes multiprofissionais em Saúde da Criança e em Pediatria. As atividades começaram com o descerramento da placa na administração do Hospital. Agora à noite, acontece a colação de grau, no auditório do Conselho Regional de Medicina do Estado da Paraíba (CRM- PB).  Ao todo, são nove formandos, sendo cinco em Pediatria e quatro em Residência Multiprofissional em Saúde da Criança.

Esta é a primeira turma de Especialistas Multiprofissionais em Saúde da Criança que está sendo formada no Arlinda Marques. Na ocasião, o diretor geral do Complexo de Pediatria, Cláudio Teixeira Regis, manifestou sua satisfação pela conclusão de mais uma etapa da Residência Multiprofissional em Saúde da Criança (Remusc)  .

De acordo com a coordenadora de Residência Médica em Pediatria, Eugênia Moreira Fernandes Montenegro, a Comissão de Residência Médica (Coreme) atualmente é responsável por cinco programas de residência médica: ortopedia, anestesiologia, medicina intensiva, pediatria e agora gineco-obstetrícia. Ela explicou que o Coreme utiliza os mais variados campos de prática e corpo docente de grande impacto na vida acadêmica do Estado e conduz seus programas de forma eficiente e com resultados percebidos em todo o país, como por exemplo, a colocação da anestesiologia em quarto lugar no Brasil. “Nossos egressos são devolvidos ao mercado de trabalho com formação especialista diferenciada, aptos a títulos de especialista pelas respectivas sociedades, além de preparo para a assistência e também para a docência”, destacou.

O Programa de Residência Multiprofissional em Saúde da criança (REMUSC) teve seu Projeto aprovado pela Portaria Conjunta Nº 11 de 18 de Dezembro de 2013. A primeira turma de residentes iniciou suas atividades em março de 2014. “Na compreensão da necessidade de formação de especialistas e qualificação de mão de obra para a Rede de Atenção à Saúde da Criança do Estado da Paraíba, foi que a Secretaria de Estado da Saúde apoiou e incentivou o Complexo de Pediatria Arlinda Marques a implantar o Projeto da Residência Multiprofissional em Saúde da Criança”, explicou Gilsandra de Lira Fernandes, presidente da Comissão de Residência Multiprofissional (Coremu).

Gilsandra de Lira Fernandes explicou que no dia 29 de fevereiro foram apresentadas várias monografias pelas residentes, trabalhos estes considerados excelentes e desenvolvidos com o objetivo de contribuir significativamente para o aperfeiçoamento das atuais práticas, ampliação do cuidado integral a saúde da criança subsidiando melhores intervenções.

Ela ressaltou que atualmente o Complexo de Pediatria Arlinda Marques e toda Rede de Pediatria sentem o impacto positivo após a inserção da residência no serviço, evidenciados através do fortalecimento de práticas de atuação multiprofissional, elaboração e implantação de protocolos clínicos assistenciais, aumento na produção de mão de obra especializada e incentivo à Política de Educação Permanente como um todo, um verdadeiro cenário de aprendizagem do trabalho vivo em ato, no qual profissionais, serviços, instituições de ensino e usuários são contemplados.

A presidente da Coremu destaca ainda que a experiência vivenciada nesses dois anos de residência tem se mostrado como grande diferencial na sua atuação profissional. “A relação com os outros profissionais de saúde, o aprimoramento das técnicas da minha profissão associada ao ensino, tem-se mostrado como mecanismo de crescimento profissional inquestionável. É notório nosso crescimento nesse período  que passamos na residência. Conhecer e vivenciar todos os serviços tem nos tornado aptas a assumir qualquer tipo de serviço de assistência aos neonatos, crianças e adolescentes”, comentou.