João Pessoa
Feed de Notícias

Apresentações musical e artística abrem Semana Nacional de Ciência e Tecnologia na Paraíba

terça-feira, 22 de outubro de 2013 - 17:08 - Fotos: 

A arte foi o diferencial na abertura da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia na Paraíba. A solenidade de abertura, ocorrida na manhã desta terça-feira (22), no Museu Assis Chateaubriand (MAC), em Campina Grande, contou com apresentação de um grupo musical do Colégio Petrônio Figueiredo, que recepcionou os convidados com músicas regionais. Duas exposições marcaram a abertura do evento; foram lançadas a Exposição de Cartuns “Semiárido, Tecnologia e Esporte”, e a Mostra Fotográfica “Escola Politécnica: Uma História da Ciência e Tecnologia em Campina Grande”, que ficarão abertas à visitação até o dia 24 de novembro de 2013.

Várias autoridades participaram da abertura. Representando o Ministério da Ciência e Tecnologia esteve presente à solenidade o presidente da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba (Fapesq), Claudio Furtado; o Governo do Estado, a secretária Executiva de Ciência, Tecnologia e Inovação, Francilene Procópio Garcia; o município de Campina Grande, o secretário-chefe da PMCG, Tovar Correia Lima; e o diretor do Instituto Nacional do Semiárido (Insa), Ignacio Hernán Salcedo, além de representantes de várias instituições parceiras.

A programação de abertura incluiu ainda a realização de palestra sobre Geoprocessamento em Saúde, ministrada pelo fisioterapeuta Miguel Dantas, da Secretaria Municipal de Saúde de Campina Grande. A secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado, Francilene Procópio, ressaltou durante o evento que Campina Grande tem indicadores que confirmam a cidade como polo de C&T. “Um município com quase 400 mil habitantes possui 50 mil alunos matriculados em cursos da área de C&T, em 17 instituições de ensino. Fruto de um esforço iniciado pelo professor Lynaldo Cavalcanti, referência no setor de ciência, tecnologia e inovação do país, que desde 1970 vem lutando pelo crescimento da ciência e tecnologia na Paraíba”, afirmou.

O presidente da Fapesq, Claudio Furtado, ressaltou em sua fala o destaque que a Paraíba vem conseguindo em recursos para a Ciência, Tecnologia e Inovação. “A Fapesq esse ano já lançou mais de R$ 22 milhões em editais de incentivo à pesquisas em diversas áreas, como: saúde, inclusão digital, fixação de doutores, empreendedorismo, além de outras iniciativas que vão agregar valor e elevar o desenvolvimento do Estado, a exemplo da Rede de Fibra Ótica, que está levando internet a vários municípios paraibanos”, afirmou.

Na Paraíba, o evento é coordenado pelo Governo do Estado, através da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba (Fapesq), e Universidade Federal da Paraíba, com o apoio de vários órgãos parceiros como o Instituto Nacional do Semiárido (Insa), PMJP, PMCG, Sebrae, Sistema Fiep/Sesi/Senai, Energisa, Universidades, Institutos de Educação e escolas públicas e privadas. A programação da SNCT será encerrada no próximo dia 25, com palestra do coordenador geral da SNCT Dr Douglas Falcão Silva.

Cartuns e fotografias - Durante a cerimônia de abertura da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), houve o lançamento da Exposição de Cartuns “Semiárido, Tecnologia e Esporte”, e da Mostra Fotográfica “Escola Politécnica: Uma História da Ciência e Tecnologia em Campina Grande”. As exposições ficarão abertas à visitação no Museu até o dia 24 de novembro e foram organizadas pelo Instituto Nacional do Semiárido (Insa/MCTI), em parceria com a Secretaria de Ciência e Tecnologia (SECTI) da Prefeitura Municipal de Campina Grande (PB), o MAC, a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e a Cultura Inglesa.

As peças foram selecionadas com foco no tema geral do evento deste ano, “Ciência, Saúde e Esporte”, contextualizadas com a região semiárida brasileira, e a proposta é utilizar a arte como um meio de popularização e divulgação dos conhecimentos científicos e tecnológicos relacionados com este tema junto à sociedade em geral.

A Exposição de Cartuns foi organizada com os trabalhos dos cartunistas Fred Ozanan, Júlio Cesar e Will Simões, que tratam de temas como ciência, tecnologia, esporte, saúde e/ou meio ambiente. A finalidade é permitir que os visitantes possam interagir, de maneira crítica e, ao mesmo tempo, descontraída, com as características ambientais e sociais que permeiam o cotidiano do semiárido brasileiro.

Já a Mostra Fotográfica trata dos acontecimentos importantes que constituem a história da Escola Politécnica da Paraíba (1952-1976), que está na origem da criação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e também da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG). Foi a partir desta Escola, situada no Bairro Universitário, que se deram as iniciativas e realizações voltadas para a pesquisa em ciência e tecnologia, articuladas às ações para o desenvolvimento da cidade de Campina Grande e região.

Este tema vem sendo pesquisado pela UFCG, por meio do Projeto Memória da Ciência e Tecnologia em Campina Grande, desde 2004, com o apoio financeiro do CNPq, MCTI e FAPESQ. O objetivo é possibilitar ao público em geral e aos estudantes do ensino fundamental e médio, conhecimento de aspectos da história da ciência, tecnologia e inovação em nossa cidade.

O Museu Assis Chateaubriand fica localizado na Rua João Lélis, 581 – Catolé – Campina Grande (PB) e o horário de visitação é das terças às sextas, das 9h às 18h, e nos sábados e domingos, das 14h às 18h.

Oficina – Dentro da programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2013 na Paraíba, o Instituto Nacional do Semiárido (Insa/MCTI) e a Secretaria de Educação (SEDUC) da Prefeitura Municipal de Campina Grande (PMCG) promovem nesta terça-feira (22), a partir das 14h, a oficina “Integrando olhares desde a Educação para o Esporte, a Saúde e a Ciência no contexto paraibano”.

A dinâmica é realizada com 200 professores, técnicos e gestores educacionais das redes municipal e estadual de ensino, e ocorrerá na Escola Municipal Félix Araújo, no bairro do Catolé, em Campina Grande (PB). Estão sendo realizadas três dinâmicas comunitárias sobre os temas esporte, saúde e ciências. A ideia dos mediadores da oficina, Ana Paula Silva dos Santos e Luis Felipe Ulloa, ambos pesquisadores bolsistas da Unidade de Inovação Metodológica do Insa, é promover um debate para desmistificar o esporte e refletir sobre os benefícios da sua prática.

Para Felipe Ulloa, “as oficinas surgem como parte do esforço do Núcleo de Inovação Metodológica, na busca de propor abordagens que facilitem o processo de integração entre os saberes dos diferentes setores da sociedade”.

Os resultados provenientes dos Grupos de Trabalho da oficina serão compartilhados em uma apresentação para os participantes no encerramento da SNCT 2013 na Paraíba, a ocorrer no Museu Assis Chateaubriand (MAC/UEPB), às 14h do dia 25/10, como uma estratégia para o fortalecimento das práticas esportivas nas escolas. A intenção dos organizadores é publicar um livro com os resultados da oficina para subsidiar iniciativas semelhantes.

Mostra científica – A Prefeitura Municipal de Campina Grande, por meio da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação, conjuntamente com o Insa, realiza até sexta-feira (25) uma série de eventos que integram a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, cujo epicentro será no Parque da Criança nesta Cidade.

Os eventos da SNCT 2013 têm a finalidade de congregar os diversos centros de produção de conhecimento de nossa cidade, de modo a possibilitar a interação entre universidades, institutos de pesquisa, fundações de fomento e empreendimento, contemplando ainda as redes pública e particular de ensino em todos os níveis, que estarão reunidas num evento destinado à divulgação, exposição e discussão das temáticas ciência, saúde e esporte. Essas temáticas foram definidas pelo Ministério da Ciência. Tecnologia e Inovação como focos dos eventos da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia para este ano de 2013, tendo como motivação os principais eventos esportivos que o Brasil sediará nos próximos anos, como a Copa do Mundo e as Olímpiadas-2016.

Entre as instituições participantes estão a UEPB, UFCG; Instituto Federal de Educação Tecnológica da Paraíba-IFPB/Campus Campina Grande; Instituto Nacional de Pesquisa do Algodão- CNPA/EMBRAPA; Faculdades UNESC, e Facisa; Fundação Parque Tecnológico da Paraíba, Escola Politécnica Redentorista; além de organizações não-governamentais, redes pública e particular de ensino fundamental e médio.

A proposta da SECTI e do Insa é proporcionar um espaço de integração entre diversos públicos que estarão conhecendo e discutindo a aplicação científica e tecnológica em vários campos do conhecimento, constituindo uma iniciativa que visa inovar nos processos de divulgação e popularização da ciência.