João Pessoa
Feed de Notícias

Ampliação do Programa Mais Educação é tema de reunião técnica

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 - 21:51 - Fotos:  Sérgio Cavalcanti/Secom-PB

 

Fotos: Sergio Cavalcanti/Secom-PB

A Secretaria de Estado da Educação (SEE) realizou, na manhã desta quarta-feira (7), uma reunião técnica do Programa Mais Educação, com 202 secretários de Educação de municípios paraibanos, gerentes regionais e gerentes executivos da secretaria. O titular da SEE, Afonso Scocuglia, fez a abertura da reunião, que também contou com a presença de uma consultora do Ministério da Educação (MEC) e da coordenadora de Educação Patrimonial do Iphan no Brasil.

No evento, foi discutida a expansão do Programa Mais Educação no Estado, que acontece hoje em 31 municípios e passará a acontecer em 202. Na rede estadual de ensino, o programa já é desenvolvido em 239 escolas. Em 2012, passará para 418. “O Mais Educação é um dos programas mais importantes do Ministério da Educação e da educação brasileira hoje, no que se refere à educação integral, e ele precisa se consolidar cada vez mais como política pública”, destacou o secretário.

Segundo a consultora do MEC Samira Bandeira, o objetivo da reunião foi apresentar o Mais Educação para os 202 municípios que estão recebendo o programa de educação integral do ministério, que hoje está realizando uma força-tarefa para garantir a expansão de 15 mil para 30 mil escolas em 2012, em mais de 1,3 mil municípios. Ou seja, estamos dobrando a quantidade de escolas em apenas um ano, mostrando o esforço do Governo Federal em investir na educação pública e na educação integral”, disse ela, que participou do evento como palestrante.

Iphan – Por meio de uma parceria entre o MEC e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), as crianças participantes do programa Mais Educação farão um inventário do patrimônio cultural local. “A educação patrimonial é uma das atividades do programa. As escolas que aderirem ao programa receberão um caderno de orientações conceituais sobre o patrimônio cultural e um kit com fichários, gravadores e máquinas fotográficas para que as próprias crianças, com seus monitores e coordenadores, façam um inventário do patrimônio cultural local, que vai ter o olhar dos alunos e vai referenciar o patrimônio cultural do seu local, podendo ser o bairro ou a cidade onde vive”, destacou a coordenadora de Educação Patrimonial do Iphan no Brasi, Sônia Regina Florêncio.

Mais Educação – Programa do Governo Federal para a promoção da educação integral nas escolas públicas. Com a ampliação da jornada escolar, além do período em que acontecem as aulas, o aluno continua mais um turno na escola, participando de oficinas nas áreas de esporte e lazer, cultura e artes, meio ambiente, inclusão digital e educomunicação, entre outras.