João Pessoa
Feed de Notícias

Corpo de Dorgival Terceiro Neto é velado com honras de chefe de Estado

sábado, 13 de abril de 2013 - 21:24 - Fotos:  Secom-PB/Kleide Teixeira

Amigos, familiares, políticos, membros da Academia Paraibana de Letras (APL), OAB-PB e Tribunal de Justiça da Paraíba acompanharam o velório do ex-governador Dorgival Terceiro Neto, na tarde deste sábado (13), no Palácio da Redenção, em João Pessoa.

Além de ex-governador, Dorgival Terceiro Neto foi ex-prefeito da Capital, ex-vice-governador, jornalista, advogado, escritor e professor. Ele morreu na noite dessa sexta-feira (12), aos 82 anos, vítima de parada cardíaca, após trinta dias de internação em um hospital particular da Capital paraibana. No local do velório, centenas de coroas de flores chegavam a todo instante como forma de prestar a última homenagem ao jurista.

Durante toda tarde, a família recebeu condolências e gestos de solidariedade da população e de autoridades, entre elas o governador Ricardo Coutinho que, logo pela manhã, decretou luto oficial por três dias em sinal de pesar pela figura pública e de grande relevância para o Estado da Paraíba.

O governador Ricardo Coutinho lembrou a importância política do ex-governador paraibano e suas obras estruturantes projetadas e executadas em meados da década de 1970. “Dorgival tinha um olhar futuro da cidade e construiu várias obras na Capital como o Retão de Manaíra e a avenida Beira Rio, em uma época em que não havia nada. Ele deixa um vazio na política do nosso Estado, mas contribuiu para um legado não só enquanto gestor, mas como homem honrado e digno que podia andar pela cidade de cabeça erguida por sua contribuição. Ele ainda estava na ativa, mesmo que fosse para dar suas opiniões e ver a cidade continuar a crescer”, recordou.

A secretária de Estado da Comunicação Institucional, Estela Bezerra, prestou homenagem ao ex-governador que se destacou também no meio jornalístico. “Ele foi um grande jurista, professor, gestor público e um jornalista que contribuiu com a leitura cotidiana dos fatos mais importantes da cidade e do Estado. Uma figura com muita honestidade, retidão de caráter e um exemplo para a vida pública”, destacou.

O presidente da Academia Paraibana de Letras (APL), Damião Ramos Cavalcanti, também ressaltou a honestidade e a ética de Dorgival Terceiro Neto em todos os âmbitos da sua vida. “Pelo mérito de homem inteligente, culto e transmissor do saber, ele jamais será apagado da nossa memória. E esta é a função da academia de trazer à memória das futuras gerações, pois para nós ele é considerado imortal por aqui pensou, disse e escreveu”, enfatizou.

Representando a família, dois dos oito netos, Túlio e Caio Terceiro Neto, lamentaram a perda do avô. “É uma ausência irreparável, mas nós da família temos a convicção que seu legado transcenderá sua existência. Foi um homem que cumpriu sua função na família, como gestor público, prezando sempre pela decência e honestidade. Agora vamos atender ao último pedido do meu avó que foi ser enterrado na cidade de Taperoá, seu grande amor”, declarou TúlioTerceiro Neto.

O padre Nilson Nunes, do Santuário Mãe Rainha, conduziu a cerimônia fúnebre. Entre os que prestaram homenagem estiveram presentes a presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti; e o advogado Marcos Pires.

O velório no Palácio da Redenção acontece até as primeiras horas da manhã deste domingo (14). Depois, o corpo do ex-governador segue para ser sepultado, às 9h, na cidade de Taperoá, no Cariri paraibano.