João Pessoa
Feed de Notícias

Alunos do Prima participam do Festival de Música de Santa Catarina

sexta-feira, 9 de janeiro de 2015 - 10:08 - Fotos:  Francisco França/Secom-PB

Um grupo de 20 alunos do Programa de Inclusão Através da Música e das Artes (Prima) vai passar duas semanas na cidade de Jaraguá do Sul, no estado de Santa Catarina. Os jovens vão participar da 10ª edição do Festival de Música de Santa Catarina (Femusc), um intercâmbio internacional que acontecerá de 18 a 31 de janeiro deste ano. Os jovens que integram vários polos do Prima no Estado vão ter contato com renomados professores de Música do Brasil e de vários países, além de jovens músicos brasileiros.

Os representantes do Prima terão aulas e ensaios durante e o dia e, à noite, vão assistir às apresentações e participarão de orquestras no Centro Cultural. “É uma maneira de fazer inclusão social pela música, de forma muito intensa porque os alunos vão ter contato com colegas de 30 países, professores de todo o mundo, enfim, um ambiente em que eles podem ver todo o âmbito do estudo da Música, desde o infantil até o profissional. Esses jovens voltarão para a Paraíba com novas ideias”, avaliou o maestro Alex Klein, gestor do Prima.

De acordo com o Instituto Femusc, que realiza o festival há 10 anos, participarão do evento 800 professores. O público que circula em Jaraguá do Sul, nas duas semanas do festival, é estimado em 50 mil pessoas de 30 países. A cidade fica a 140 quilômetros da capital de Santa Catarina, Florianópolis.

O Femusc recebe estudantes, regentes e professores que se dedicam durante 15 dias a uma intensa maratona de aulas, apresentações sociais e concertos no Centro Cultural da Sociedade Cultura Artística. O evento é reconhecido como um dos maiores do planeta e como o mais importante festival-escola de música erudita da América Latina.

Em Patos – No final do mês de maio, o Prima realiza um grande concerto na cidade de Patos, a exemplo da apresentação natalina ocorrida na Praça do Povo do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa. A orquestra será toda formada por alunos dos polos do Prima localizados no Sertão.

Implantado pelo Governo do Estado em 2012, o Prima tem polos em João Pessoa (Alto do Mateus, Mandacaru e Bairro dos Novais), Cabedelo, Bayeux, Santa Rita, Campina Grande, Guarabira, Patos, Cajazeiras, Catolé do Rocha e Itaporanga. Ao todo, são mais 1,2 mil alunos envolvidos.