Fale Conosco

17 de junho de 2011

Alunas da Escola de Dança do Teatro Santa Roza evoluem para sapatilha de ponta



Jovens bailarinas sonham com o momento de dançar com a habilidosa sapatilha de ponta. Para 15 dançarinas da escola de dança do Teatro Santa Roza este momento chegará na noite desta sexta-feira (17) elas vão assumir a sapatilha de ponta no “5º Cerimonial de Sapato de Ponta”, realizado no Santa Roza. A solenidade começa às 20h e os ingressos custam R$ 5,00.

Este momento é um divisor de etapas no balé clássico. As bailarinas passam a treinar a dança sobre uma sapatilha feita de gesso, que é dura, sendo necessária maior experiência e esforço para utilizá-la com naturalidade.   Cada dançarina leva em média três anos de prática para subir na ponta, numa idade de 12 anos, podendo variar de acordo com estatura, preparo físico e talento pessoal.

Segundo a professora Denilce Regina, passar a dominar a sapatilha de ponta é um sonho para as jovens bailarinas. Nesta cerimônia elas avançam um passo em busca desse sonho e assumem um compromisso de intensificar os treinos. “Para elas é um sonho poder dançar na ponta como as bailarinas profissionais. As 15 meninas estão aptas a começar o treino com a sapatilha de ponta, mas para alcançar têm que se dedicar, pois a partir de agora a dificuldade é maior e os ensaios se tornam um pouco mais exaustivos”.

A tradicional Escola de Dança do Teatro Santa Roza pertence à Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) e é referência na Paraíba em formar bailarinos profissionais de estilos variados.

Serviço

5º Cerimonial do Sapato de Ponta

Local : Teatro Santa Roza

Hora:  20h

Entrada : R$ 5,00

Realização: Funesc