João Pessoa
Feed de Notícias

Alimentos naturais e de baixo custo chamam atenção na Feira do Produtor

sexta-feira, 30 de novembro de 2012 - 12:10 - Fotos:  José Lins/Secom-PB

Alimentos agroecológicos com qualidade e preços convidativos são os principais fatores de sucesso da Feira do Produtor, organizada pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater). A feira acontece toda sexta-feira, das 4h às 8h, em um galpão na sede da Emater, localizada na BR-230, estrada de Cabedelo. Os feirantes são em número de 100, todos agricultores familiares de 20 municípios.

A  cada feira são comercializadas cerca de 45 toneladas de alimentos. No conjunto, o faturamento médio é de R$ 30 mil. A realização do evento trouxe qualidade de vida para as famílias. Hoje, a realidade econômica é outra. Muitos produtores adquiriram automóveis, construiram casas e investem nos estudos dos filhos com o lucro  obtido sem a figura do atravessador. Os produtos são disputados logo nas duas primeira horas da feira, da  4h às 5h, período em que há maior fluxo de consumidores.

A cada sexta-feira, cerca de 1.200 clientes comparecem à Feira do Produtor. A Emater também incentiva a participação de mulheres nos negócios. Elas produzem e vendem bolos, tapiocas e outros alimentos.

A coordenadora regional da Emater em João Pessoa, Zilda Abrantes, avalia que o segredo do sucesso está na efetiva assistência técnica que o produtor recebe no campo por meio de equipes da Emater. Depois de sucessivas capacitações, todos aprenderam a organizar e vender os produtos. Como agricultores familiares eles também vendem para os programas institucionais a exemplo do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

Os produtos chegam da zona rural dos municípios de Rio Tinto, Mamanguape, Capim,  Sapé, Conde, Cruz do Espírito Santo, Santa Rita, Itabaiana, Alhandra, Caaporã, Pitimbu, dentre outros.

O presidente da Associação do Agronegócio de João Pessoa (Agroa), Severino da Silva Oliveira, afirmou que a Feira do Produtor trouxe mudanças econômicas. “A assistência da Emater, na produção e na comercialização de nossos produtos é muito importante e mudou nossas vidas”, disse.

Clientes – O professor João Marcos, mora no Bairro dos Estados e destaca a qualidade dos produtos. “São  naturais, sem  agrotóxicos e os preços são melhores. Sinto falta da feira quando não posso vir e recomendo a qualquer um visitá-la”, declarou.

Parte da alimentação servida aos alunos da Escola Estadual Padre Antônio Vieira, em Cabedelo, é comprada na Feira do Produtor, informa a funcionária Edglaudia Maira de Paiva Lopes. “As frutas e as verduras daqui são saudáveis porque não têm pesticidas”, disse.

Os bancos da feira são padronizados, os produtores são identificados por roupa padrão e os consumidores dispõem de 100 carrinhos para maior comodidade. A segurança também é outro atrativo. Os clientes estacionam os veículos no pátio da Emater e a vigilância da empresa assegura que  nunca houve qualquer problema de violência no local.