João Pessoa
Feed de Notícias

Aleitamento exclusivo até os seis meses de vida é tema de oficina

sexta-feira, 20 de novembro de 2009 - 18:41 - Fotos: 

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) realiza, a partir desta segunda-feira (23), às 8h, no Hotel Serrano, em Campina Grande, a Oficina de Formação de Tutores da Rede Amamenta Brasil na Paraíba, que vai treinar 30 pessoas com atuação nas gerências regionais de Saúde de Guarabira, Campina Grande, Cuité, Monteiro e Itabaiana e nas unidades básicas de saúde dos municípios inseridos nessas gerências para incentivar a prática do aleitamento materno exclusivo até os seis meses de vida da criança.

Segundo a nutricionista da Gerência Operacional de Alimentação e Nutrição (Goan) da SES e tutora da Rede, Ana Maria Alves Neves, também vão participar do treinamento nove funcionários de hospitais ‘Amigo da Criança’ da região de Guarabira e Campina Grande. “A oficina com 40 horas/aula será ministrada por três pessoas da área técnica da Saúde da Criança e Aleitamento Materno do Ministério da Saúde e 11 tutoras da Goan”, disse.

A parte teórica do evento que acontece até a sexta-feira (27) vai abordar temas, como a vivência da oficina de trabalho em aleitamento materno, a educação crítico-reflexiva no aleitamento materno, entre outros. Entre outras atividades, na oficina haverá a exibição de filmes, análise de textos e dramatização, debates e preparo de oficinas para as unidades básicas de saúde. A parte prática do treinamento será executada em 15 unidades básicas de saúde de Campina Grande.

Ana Maria Neves lembrou que a Rede Amamenta Brasil é uma estratégia de promoção, proteção e apoio à prática do aleitamento materno na Atenção Básica, através da revisão e supervisão do trabalho interdisciplinar nas unidades básicas de saúde, apoiada nos princípios de educação permanente, respeitando as peculiaridades locais e regionais.

A nutricionista da Goan informou que a meta deste treinamento é capacitar tutores para multiplicar o treinamento a fim de atender pelo menos 80% das pessoas que trabalham nas Unidades Básicas de Saúde em 25 municípios polarizados pela Gerência Regional de Saúde em Guarabira, 42 municípios polarizados pela GRS de Campina Grande, 12 municípios polarizados pela GRS de Cuité, 16 municípios polarizados pela GRS de Monteiro e 14 municípios polarizados pela GRS de Itabaiana.

Depois de receber o treinamento, os profissionais da UBS firmam um pacto para trabalhar o aleitamento materno no Pré-Natal, Pós-Natal e Comunidade (onde os integrantes da família também recebem orientações). “O trabalho desempenhado nas unidades básicas de saúde é monitorado periodicamente pelos tutores da Goan que in loco avaliam se o pacto está sendo cumprido”, disse Ana Maria Neves.

Ela adiantou que no próximo ano, a Oficina de Formação de Tutores da Rede Amamenta Brasil na Paraíba capacitará os profissionais que atuam na Gerência Regional de Patos e na Atenção Básica de 23 municípios da região.

Às mulheres assistidas na fase de pré-natal nas unidades básicas de saúde, os profissionais ensinam a melhor posição de amamentar, como aumentar a produção de leite, evitar problemas na mama, como o ingurgitamento mamário, entre outros. “Já na fase do pós-natal, a equipe multidisciplinar da UBS acompanha às mulheres a fim de saber se todas as orientações estão sendo praticadas”, disse Ana Maria Neves.

No trabalho em comunidade, os agentes de saúde e outros profissionais das unidades se deslocam até os domicílios para repassarem orientações às famílias das mulheres grávidas.

Da Assessoria de Imprensa da SES-PB