João Pessoa
Feed de Notícias

Agricultores familiares se classificam em edital do BNDES

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015 - 10:34 - Fotos: 

Agricultores familiares beneficiários dos Programas de Aquisição de Alimentos (PAA) e do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), de Vieiropóles e Nazarezinho, região administrativa da Emater de Sousa, no Sertão paraibano, terão as atividades ampliadas no âmbito desses programas.

Os dois municípios paraibanos estão entre os 24 municípios brasileiros que foram selecionados dentro dos 291 projetos de organizações da agricultura familiar. Eles foram classificados na primeira etapa do Edital de Chamada Pública do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social BNDES/CONAB nº 002/2013.

As associações comunitárias de Riacho dos Xavier e dos Trabalhadores Rurais Francisca Fidelis de Araújo, são assessoradas pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater-PB), integrante da Gestão Unificada,  por meio das Unidades Operativas de Vieirópoles e de Nazarezinho. Serão contemplados 50 associados. O processo seletivo acontece em quatro etapas.

Os investimentos previstos no edital, de acordo com o coordenador Regional da Emater de Sousa, Francisco de Assis Bernardino, destinam-se a solucionar problemas operacionais das organizações produtivas, que lhes permitam expandir suas atividades, aprimorar as condições de trabalho no meio rural e proporcionar a ampliação de renda dos agricultores. Tem a finalidade também de melhorar a qualidade dos alimentos destinados ao PAA e PNAE, bem como fortalecer a Política de Garantia de Preço Mínimo dos Produtos da Biodiversidade (PGPM-Bio), beneficiando direta e indiretamente toda a população em situação de insegurança alimentar do município.

O extensionista Manoel das Chagas de Oliveira, responsável pela elaboração e operacionalização do projeto em Vieirópoles, disse que é pretensão da iniciativa que os empreendimentos apoiados possam viabilizar o acesso de novas famílias agricultoras aos canais de comercialização, tornando-se instrumentos importantes de inclusão produtiva no contexto do Plano Brasil Sem Miséria.

Para concorrer aos recursos do edital, a Associação Comunitária Riacho dos Xavier integrou o projeto, visando a implantação de uma unidade de processamento de alimentos no valor de R$ 47.997,71, para aquisição de máquinas e equipamentos. Inicialmente, serão beneficiadas 24 famílias associadas, que já comercializam suas produções agropecuárias, via mercado institucional PAA/PNAE. Dentre esses produtos destacam-se os processados e transformados como polpas de frutas diversas, bolos e doces.

Ao pleitear os recursos da Chamada Pública BNDES/CONAB, os beneficiários objetivam resolver o principal gargalo na comercialização da produção, agregando valor de mercado aos produtos. A Associação dos Trabalhadores Rurais Francisca Fidelis de Araújo, de Nazarezinho vai beneficiar 26 agricultores associados, com recursos da ordem de R$ 39.775,35. Ela foi classificada na Chamada Pública com 42 pontos.

Seleção - Ao todo, foram selecionados 24 municípios brasileiros, dentre os quais os dois da Paraíba. São 291 projetos de organizações da agricultura familiar, 36% do total de inscritos e serão investidos aproximadamente R$ 13 milhões nas associações ou cooperativas de agricultores familiares que já operacionalizaram os programas PAA e PNAE.

Os investimentos irão ajudar as cooperativas ou associações a vencerem desafios de processamento e logística, e assim, qualificá-las para o acesso ao mercado, além de permitir melhor eficiência na comercialização dos produtos.