Fale Conosco

31 de maio de 2012

Agricultores familiares de Sousa comercializam R$ 531 mil com vendas ao PAA e PNAE



Agricultores familiares de 12 municípios da região de Sousa, no Sertão, foram contemplados na manhã desta quarta-feira (30) com as ações da Jornada da Inclusão Produtiva coordenada pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap) e Emater.

No evento, os agricultores tiveram acesso a políticas públicas dos governos federal, estadual e municipais que ajudam a melhorar a qualidade de vida das pessoas a partir de projetos e financiamentos agrícolas.

Foram liberados projetos do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) – Doação Simultânea no valor de R$ 342.361,08 beneficiando 89 famílias da Associação Rural Núcleo III, e também do PAA Doação Simultânea no valor de R$ 99.984,08 que beneficiou 25 famílias da Associação Rural Núcleo I. Pelo PNAE municipal foram R$ 45.000,00 para seis famílias e pelo PNAE estadual foram beneficiadas 16 famílias com R$ 144.000,00. Ao todo, o volume de recursos investidos nesses projetos chega a R$ 531 mil.

A Jornada da Inclusão Produtiva é uma ação articulada por vários parceiros que visam aproximar os agricultores familiares de projetos que financiam atividades produtivas e aquisição de imóveis rurais, comercialização e crédito rural.

Outras empresas vinculadas à Sedap, como Empasa, Interpa e Emepa,  além  dos órgãos parceiros como Projeto Cooperar, Aesa, Conab, Empreender PB, Bancos do Brasil e do Nordeste e secretarias municipais, participam do evento.

Em Sousa, os agricultores familiares tomaram conhecimentos das práticas de controle da praga que está atacando os plantios de coco na região de São Gonçalo e foram informados sobre a campanha de vacinação contra a febre aftosa e sua importância para tornar a Paraíba livre da doença. Os extensionistas da Emater deram informes sobre os programas de financiamento e de comercialização da produção, e os agricultores puderam tirar suas dúvidas sobre a elaboração de projetos.

Durante o evento, a Prefeitura Municipal ofereceu serviços à população e o Incra emitiu documentos solicitados por agricultores familiares. Foram distribuídas mudas de árvores frutíferas e nativas, e também 79 armadilhas para o combate à broca-do-coco. Emater e Prefeitura renovaram parceria.