João Pessoa
Feed de Notícias

Agricultores cultivam coco com uso racional de água em Sousa

quarta-feira, 6 de abril de 2016 - 09:32 - Fotos: 

O uso racional de água na irrigação no Perímetro Irrigado de São Gonçalo, nas Várzeas de Sousa, tem possibilitado aos agricultores familiares o aumento da renda mensal com o cultivo do coco e outras culturas. Todo o trabalho é executado com o acompanhamento da assistência técnica da Emater, a partir do termo de cooperação assinado entre a Gestão Unificada Emepa/Interpa/Emater, vinculada à Secretaria de Estado do Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca (Sedap), com o Perímetro Irrigado Várzeas de Sousa.

O agricultor Rosalvo Vieira de Sousa colheu 18 mil unidades de coco verde em um período de 45 dias, mostrando-se satisfeito com o preço comercializado de R$ 1,00. As despesas com a colheita e carregamento ficam por conta do comprador, que emprega mais seis pessoas.

Outros agricultores do Perímetro também têm obtido bons resultados, como o agricultor Ivanaldo Alves de Andrade que trabalha com coco anão consorciado com a cultura de banana, em uma área de quatro hectares. No intervalo de 45 dias, ele colhe de 30 mil unidades de coco verde. Como sempre, durante a visita dos técnicos, ele recebe orientação quanto aos tratos culturais, a exemplo da adubação.

Os extensionistas realizam demonstrações práticas de controle de pragas que atacam os coqueirais, com o uso de armadilhas para a captura dos insetos.

O coordenador regional da Emater em Sousa, Francisco de Assis Bernardino, disse que a falta de água dizimou boa parte da plantação de coco, comprometendo a produção. Devido a isso, os agricultores estão sendo orientados a trabalhar com outras culturas de forma consorciada.