João Pessoa
Feed de Notícias

Agosto das Letras tem seminário, bate-papos, lançamentos e abertura do Quadrinhos Intuados

quinta-feira, 17 de agosto de 2017 - 10:38 - Fotos:  Divulgação

A programação do Agosto das Letras traz, nesta sexta-feira (18), o 2º Seminário de Acessibilidade, com Joana Belarmino, escritora e professora da UFPB. A convidada vai abordar o tema Acessibilidade na Leitura – entre as barreiras e as superações. A atividade acontece no auditório 1 do mezanino, das 9h às 12h.

Já a programação do Quadrinhos Intuados traz ‘Quadrinhos em Esquetes’, sob direção de Nyka Barros e Humberto Lopes, com a turma de teatro da Funesc às 19h na Gibiteca Henfil.

No mesmo horário acontece a abertura da exposição “Luzardo e Cristovam” e venda de livros dos homenageados produzidos pela editora Marca de Fantasia na Gibiteca Henfil.

Para as crianças, a programação desta sexta-feira começa cedo, com contação de história das 9h às 10h com Maria José no Palco Nômade. No mesmo horário, acontece o workshop Poesia Multimídia com Eunice Boreal (auditório 2).

Das 10h às 11h os escritores André Ricardo Aguiar e Roberto Menezes discutem o tema ‘Leituras importantes na formação do leitor e do escritor’ com mediação de Jairo Cézar. O bate-papo acontece no palco Sérgio de Castro Pinto.

Às 13h30, no auditório 1 do mezanino o público poderá participar gratuitamente do Workshop de Cultura Inclusiva.

À tarde, as crianças contam com nova sessão de contação de histórias das 14h às 15h sob comando do Grupo Sala Verde no palco Nômade.

Das 19h às 20h a programação literária apresenta lançamento dos livros do Prêmio Literário José Américo de Almeida “O peso das gotas”, de Jairo Cézar, “Da vida em desalinho”, de Aurélio Aquino, “Poços cavados no tempo: Memorial de palavras não ditas”, de Sonielson Juvino, “Mentiras ao tempo”, de Edih Longo, “Recados que a-mails.com”, de Saulo Mendonça, “A menina dos sapatos cor de abóbora”, de Juliê Caroline, “Sandálias Vermelhas”, de Renata Escarião, “Arco-íris de Alfenim”, de Piedade Farias e “Universo Nordestino”, de Paulo Gracino. A atividade é no palco Nômade.

Homenagem – Este ano, o Agosto das Letras homenageia Sérgio de Castro Pinto, poeta, jornalista e professor de literatura brasileira. O evento – mais uma vez – acontece nas dependências do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa

Bate-papos, oficinas, feiras lançamentos de livros, shows de música, espetáculos de dança, teatro, mesas-redondas, contação de histórias para crianças são alguns dos ingredientes que teremos durante esses quatro dias de evento. Conforme Tatiana Cavalcante, da organização do Agosto das Letras, essa edição reforça o espaço para a literatura paraibana, através de lançamentos e debates. As obras contempladas pelo prêmio Edições Funesc também estarão à disposição do público.

Também serão destacados os quadrinistas e ilustradores, além das editorias e livrarias presentes no mercado paraibano.

Sérgio de Castro Pinto – Uma das maiores referências da contemporânea poesia paraibana, Sérgio de Castro Pinto tem mais de cinco décadas de dedicação às letras (como professor e como poeta). Ele acaba de celebrar 70 anos de vida.

Natural da cidade de João Pessoa, Sérgio de Castro Pinto publicou, no total, os seguintes livros: Gestos lúcidos (1967), ‘A Ilha na ostra’ (1970), ‘Domicílio em trânsito’ (1983), ‘O Cerco da memória’ (1993), ‘A Quatro mãos’ (1996), ‘Zôo imaginário’ (2005), ‘O Cristal dos verões’ (2007) e ‘A Flor do Gol’ (2014), todos de poesia.

Já na área do ensaio, ele lançou ‘Os Paralelos insólitos’ (1996), ‘Longe daqui, aqui mesmo – a poética de Mario Quintana’ (2000), A Casa e seus arredores (2006) e ‘O Leitor que eu sou’, em 2015, ano em que também gravou o CD ‘Muito além da Taprobana e de Pasárgada’, contendo cerca de 80 de seus poemas selecionados.

Ex-editor do Correio das Artes (suplemento do jornal A União), recebeu da respeitada Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA), em 1981, uma premiação. A APCA avaliou que o Correio das Artes foi o suplemento que melhor divulgou a cultura brasileira, ao longo do ano anterior.

Quadrinhos Intuados – 3º Encontro Regional Sobre Histórias em Quadrinhos – A terceira edição do evento vai homenagear os cartunistas Luzardo Alves e Cristovam Tadeu. A atividade, que acontece de 18 a 20 deste mês no Espaço Cultural, traz na programação uma exposição com obras dos dois artistas, que já passaram pelo projeto Espaço HQ, promovido pela Funesc.

Além da exposição “Luzardo e Cristovam”, que será aberta na sexta (18), às 19h, haverá venda de livros dos homenageados produzidos pela editora Marca de Fantasia. O encontro traz, ainda, feiras de quadrinhos e de cordéis, além de oficinas, palestras e debates. Entre os convidados estão nomes como Shiko, Juscelino Neco, Sirlanney e Germana Viana.

No sábado (19), das 15h às 17h, acontece o debate “Gibiteca e suas Peculiaridades”, com Luiz Elson Dantas (RN), Henrique Magalhães (PB), Claudia Stocker (SE). À noite, das 18h às 20h, o tema é “Quadrinho impresso: escolhendo materiais e formatos”, com Samuel de Gois (PB), Beto Nicácio (MA), Lila Cruz (BA).

No domingo (20), à tarde, das 15h às 17h, o tema discutido é “Construindo quadrinhos com diversidade”, com participações de Camila Cerdeira (CE), Germana Viana (PE/SP), Beto Potyguara (RN). Para encerrar o encontro, o debate gira em torno do tema “Censura e liberdade nas HQs”, com Juscelino Neco (PB/RN), Shiko (PB), Sirlanney (CE), Márcio Rodrigues (MG/MA).

Todas as atividades acontecerão nas dependências da Gibiteca Henfil, no submezanino 2 do Espaço Cultural José Lins do Rego.

Quadrinistas Homenageados – Falecido em abril deste ano, Cristovam Tadeu foi um dos mais atuantes atores e humoristas da Paraíba, conhecido por sua atuação em teatro e TV é, também, um dos principais chargistas do Estado. No ramo da charge política trabalhou em todos os jornais locais durante 18 anos. Nos quadrinhos, seu personagem principal, Bartolo, o bebum, ganhou, além de publicações locais, espaços na mídia alternativa de São Paulo através das revistas Quadreca (editada por alunos da USP), do Jornal de bairro Limão News e no primeiro site de humor do Brasil, Humortadela. Também foi convidado para expor suas tiras no Cartoon Club em Rimini, Itália, em 2004. Durante vários anos, sua criação, o Bartolo, marcou presença nas páginas do jornal A União.

Tio de Cristovam, Luzardo Alves iniciou sua trajetória na década de 1960, quando deixou a Paraíba para radicar-se no Rio de Janeiro, onde foi trabalhar na revista O Cruzeiro – a mais importante do país naquela época. Marcou presença ao lado de Henfil, Millôr Fernandes, Péricles, Carlos Estevão, Juarez Machado, Nilson, Redi, Ciça, Daniel Azulay, Ziraldo, Zélio, Jaguar, Fortuna, enfim, o sumo do humor gráfico brasileiro. Além de publicar em O Cruzeiro, participou da Revista do Rádio e dos jornais Correio da Manhã e O Dia.

De volta à Paraíba, Luzardo articulou com os jornalistas locais a fundação do jornal alternativo Edição Extra, em 1971, seguindo a linha de O Pasquim. Na mesma época, criou, ao lado de Anco Márcio, a personagem Bat-Madame, que fazia uma sátira de Batman e dos costumes da região. Publicou suas charges e cartuns nos jornais diários do Estado, criando novos personagens. Também editava a Charge da Semana, com destaque para a personagem Pataconho.

Oficinas do Agosto das Letras e Quadrinhos Intuados – Na área de HQ as oficinas disponíveis são de Letreiramento (com Germana Viana), Histórias em quadrinhos e história política (com Márcio Rodrigues). Na área de Literatura, as opções são Fanzine (com Megaron Xavier), Cordel para adolescentes (com Sander Lee), Edições Cartoneras e Alternativas (Wellington José de Melo). Mais informações podem ser solicitadas por e-mail (bibliotecafunesc@gmail.com) ou pelo telefone 3211.6220.

Além de oficinas, acontecem os workshops de Poesia Multimídia, com Eunice Boreal e de Cultura Inclusiva, feiras e seminário sobre acessibilidade com Joana Belarmino (veja programação no final do texto).

Feiras – Durante o Agosto das Letras acontece a feira de Cordel para cordelistas venderem folhetos de sua autoria. O período de funcionamento durante o Agosto das Letras é de 17 a 20 de agosto, das 9h às 21h. Já os quadrinistas expõem seus trabalhos na feira Beco Autoral. O espaço é para quadrinistas, ilustradores, escritores e artistas visuais venderem revistas, livros e demais produções gráficas de sua autoria. O período de funcionamento é de 17 a 20 de agosto, das 10h às 20h, no submezanino 2.

Projeto Interatos e Bailaço – Em sua edição deste mês, o projeto Interatos visita o Agosto das Letras – evento de literatura realizado pela Funesc de 17 a 20 de agosto que, por sua vez, abraça as várias ações da Fundação neste período. A participação do Interatos acontece nos dias 18 e 19, trazendo espetáculos e oficinas nas áreas de teatro, dança e circo. O acesso às atrações é gratuito.

O Interatos Dança, com patrocínio de O Boticário na Dança, traz a dançarina, atriz e cantora Flaira Ferro (PE) para a oficina de improvisação em dança, dirigida a dançarinos profissionais e amadores. A aula acontece na sexta (18), das 19h às 22h, na Escola de Dança do Cearte. No mesmo dia, performances de Aretha Paiva (PB) e Jean Kenshin (PB) ocupam os espaços entre stands do Agosto das Letras na Praça do Povo, às 16h.  A edição especial do Interatos deste mês também conta com um Bailaço especial com apresentação de Flaira Ferro acompanhada pelo grupo instrumental Berra Boi (PB), no sábado (19), às 20h, no Teatro de Arena.

O Interatos Circo focaliza o eixo de formação, recebendo o ator Renato Ferracine, do Lume Teatro (SP) para a palestra “Presença Radical” e lançamento do livro “Ensaios de Atuação” no sábado (19), a partir das 15h, no Palco Agosto das Letras. Já a parte de teatro traz ao palco do evento um resgate da oralidade presente nas tradições antigas no espetáculo “Festa de Contos”, da Cia. de Teatro Encena (PB) com adaptações de contos e encenação assinadas por Celly de Freitas (PB). A apresentação acontece no sábado (19), no palco do Agosto das Letras.

Feirinha de domingo – O projeto Feirinha de Domingo deste mês marca presença no Agosto das Letras e Quadrinhos Intuados. Desta vez a feiraconta com artesanato, variedades, brechó, gastronomia, foodbikes e expositores distribuídos pelo local. O evento acontece das 14h às 19h, no Espaço Cultural José Lins do Rego.

A Feirinha é uma iniciativa da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) em parceria com o Programa de Artesanato da Paraíba (PAP) e tem como objetivo estimular a economia criativa, contando com adesões de artesãos paraibanos e de outros estados da região, a exemplo do Rio Grande do Norte e Pernambuco, que estiveram presentes em várias edições, além da Sociedade Vegana Brasileira em João Pessoa. Lançado em agosto de 2015, o projeto surgiu com a proposta de se repetir mensalmente com novas atrações a cada retorno.

Programação de música – A parte musical do evento traz, na sexta-feira, a cantora Débora Vieira no palco Sérgio de Castro Pinto. Ela se apresenta das 18h às 19h. O mesmo palco recebe Iponax Vila Nova das 20h às 21h.

Neste mês, o projeto Cambada visita o Agosto das Letras com a participação da cantora Nathalia Bellar e o show Catavento. Ela se apresenta nesta sexta (18), às 21h, na Sala de Concertos Maestro José Siqueira. Para assistir, o preço é R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia entrada).

No sábado, a parte musical conta com um recital apresentado pelo flautista paraibano radicado na Alemanha Vítor Diniz e a pianista alemã Yvonne Funk. O recital traz um repertório que inicia com barroco alemão, seguido de uma estreia mundial do compositor capixaba Marcelo Rauta. Inclui, ainda, uma sonata francesa impressionista, uma paráfrase da ópera Carmen, um tango de Piazzolla e encerra de maneira bem nordestina com duas peças do compositor pernambucano Marlos Nobre. A apresentação gratuita é às 20h30, na Sala de Concertos Maestro José Siqueira. Haverá coleta voluntária de instrumentos musicais para o Instituto Revertendo o Autismo, de Cabedelo, que trabalha com musicalização junto a crianças com autismo. Sugestões para doações chocalho, tamborim, pandeiro, triângulo, flauta-doce etc.

No domingo, o projeto Music From Paraíba traz como atração para o evento o show Uma Rosa na Face, do ator e cantor paraibano André Morais. É ele quem encerra as atividades do Agosto das Letras. A entrada é gratuita.

Programação Agosto das Letras e Quadrinhos Intuados

Feira de Livreiros: 17 a 20 de agosto, das 9h às 21h (Praça do Povo)

Feira de Cordel: 17 a 20 de agosto, das 9h às 21h

Beco Autoral: 17 a 20 de agosto, das 10h às 20h

Exposição “Luzardo e Cristovam” com obras de Luzardo Alves e Cristovam Tadeu (Gibiteca Henfil)

Exposição “Insólita Presença” de Wellington de Medeiros (Galeria Archidy Picado)

Exposição “Retrospectiva Salão nacional de humor José Lins do Rego” com artistas premiados (Espaço expositivo Alice Vinage)

Feirinha de Domingo: 20 de agosto, das 14h às 19h (submezanino 1)

 

QUINTA (17/08/2017)

9h às 10h: Abertura e Frente Trovadora (Poesia de Sérgio Castro Pinto) (palco Nômade)

10h às 11h: Práticas leitoras para uma Cibercivilização (o livro e a leitura na era da tecnologia) com Professora Yolanda Silva (Projeto Jovens Blogueiros) e Jairo Cezar (poeta e Secretário de Cultura de Sapé)

Mediação: Lau Siqueira (palco Sérgio de Castro Pinto)

11h às 12h: Lançamento de livro “Mensagens sem fronteiras” de Marisa Alverga e descolagem de Salomão Sousa (palco Sérgio de Castro Pinto)

14h: “Oficina de Leitura Inclusiva em Rede” (auditório 1)

14h às 15h: Contação de história com Grupo Sala Verde (palco Nômade)

14h às 15h: Workshop poesia multimídia com Eunice Boreal (auditório 2)

14h às 16h: Oficina de fanzine para a formação de leitores com Megaron Xavier (auditório 4)

14h às 18h: Oficina “Rercursos pedagógicos para alunos surdos no atendimento educacional especializado” com Solange Oliveira Gomes de Araújo (auditório 6)

15h às 16h: Bate papo: Do cordel e das quebradas a importância de seduzir leitores com Sander Lee e Alex Araújo (palco Sérgio de Castro Pinto)

16h às 17h: Palestra: Como ler Sheakspeare no Século XXI? com Vitória Lima (Professora e poeta) (palco Sérgio de Castro Pinto)

18h às 20h: Lançamento de livros (palco Sérgio de Castro Pinto)

19h: Abertura Oficial com a Orquestra Sinfônica da Paraíba (Sala de Concerto)

20h às 21h: Leitura encenada de “Não se incomode pelo carnaval”, direção Suzy Lopes com grupo Evoé (Teatro Paulo Pontes)

 

SEXTA (18/08/2017)

9h às 10h: Contação de História com Maria José (palco Nômade)

9h às 10h: Workshop poesia multimídia com Eunice Boreal (auditório 2)

9h às 11h: Oficina de cordel (para adolescentes) com Sander Lee (auditório 4)

9h às 11h: Oficina de edições cartoneras e alternativas com Wellington José de Melo (auditório 6)

9h às 12h: 2º Seminário de Acessibilidade: Acessibilidade na leitura – entre as barreiras e as superações com Joana Belarmino (escritora e professora da UFPB) (auditório 1)

10h às 11h: Leituras importantes na formação do leitor e do escritor, com André Ricardo Aguiar (escritor) e Roberto Menezes (escritor)

Mediação: Jairo Cézar (palco Sérgio de Castro Pinto)

13h30: Workshop de Cultura Inclusiva (auditório 1)

14h às 15h: Contação de história com o Grupo Sala Verde (palco Nômade)

14h às 16h: Oficina de cordel (para crianças) com Sander Lee (auditório 4)

14h às 16h: Oficina de edições cartoneras e alternativas com Wellington José de Melo (auditório 6)

16h às 17h: Interatos – Apresentações dos solos “Olhos Dormentes” (performance inspirada na vida e obra de Anayde Beiriz), de  Aretha Paiva (PB) e “Distúrbios de um Sonho”, de Jean Kenshin (PB) (palco Sérgio de Castro Pinto)

18h às 19h: Apresentação musical com Débora Vieira (palco Sérgio de Castro Pinto)

19h às 20h: Lançamento dos livros do Prêmio Literário José Américo de Almeida “O peso das gotas”, de Jairo Cézar, “Da vida em desalinho”, de Aurélio Aquino, “Poços cavados no tempo: Memorial de palavras não ditas”, de Sonielson Juvino, “Mentiras ao tempo”, de Edih Longo, “Recados que a-mails.com”, de Saulo Mendonça, “A menina dos sapatos cor de abóbora”, de Juliê Caroline, “Sandálias Vermelhas”, de Renata Escarião, “Arco-íris de Alfenim”, de Piedade Farias e “Universo Nordestino”, de Paulo Gracino (palco Nômade)

19h às 22h: Interatos – Oficina de Dança com Flaira Ferro (PE) (inscrições gratuitas pelo e-mail: dancafunesc@gmail.com – 25 vagas) (Escola de Dança – CEARTE)

19h00: Quadrinhos em esquetes, direção Nyka Barros e Humberto Lopes, com a turma de teatro da Funesc (Gibiteca Henfil)

19h00: Abertura da exposição “Luzardo e Cristovam” e  Venda de livros dos homenageados produzidos pela editora Marca de Fantasia (Gibiteca Henfil)

20h às 21h: Iponax Villa Nova (palco Sérgio de Castro Pinto)

 

SÁBADO (19/08/2017)

9h às 12h: Oficina de letreiramento com Germana Viana (PE/SP) (Gibiteca Henfil)

10h às 11h: Uso de gamificação como ferramenta de inventivos com Bruno Elias (co-fundador da startup Mago Cinzento, game designer, gerente de projetos, engenheiro de software e roteirista) (palco Sérgio de Castro Pinto)

11h às 12h: Construindo mundos – Sugestões para construções de cenários e roteiros com Matheus C. Madvedeff (apresentador do programa Mesa de Encontros, revisor dos projetos da Estallo Jogos, desenvolvedor de projetos na Mago Cinzento) e Leandro Abrão (desenvolvedor de jogos analogicos, game designer na Mubgrab e criador dos jogos independentes POI e Capangas) (palco Sérgio de Castro Pinto)

13h às 15h: Programação dos estandes

14h às 15h: Palestra “O Modernismo em Campina Grande – memórias da transgressão” e sessão de autógrafos com Bruno Gaudêncio (professor, historiador, escritor) (palco Sérgio de Castro Pinto)

15h às 16h: Interatos – Palestra “Presença Radical” e lançamento do livro “Ensaios de atuação” de Renato Ferracini (palco Sérgio de Castro Pinto)

15h às 17h: Gibitecas e suas peculiaridades com Luiz Elson Dantas (RN), Henrique Magalhães (PB), Claudia Stocker (SE) (Gibiteca Henfil)

16h às 17h: Contação de história com Dany Danielle e a contação da rua (palco Nômade)

17h às 18h: LeiaMulheresJP “Anayde Beiriz” de Luyse Costa (palco Nômade)

17h às 18h: Interatos – Peça infantil “Festa de Contos” da Cia. de Teatro Encena (Teatro Paulo Pontes)

18h às 19h: Lançamento e sessão de autógrafos dos livros “Família de todo jeito” com Ana Claudia Bastos, “Figuras e Paisagens” com Luís G. de Oliveira e “Vida em retalho” com Edson Maria Gomes (palco Sérgio de Castro Pinto)

18h às 20h: Quadrinho impresso: escolhendo materiais e formatos com Samuel de Gois (PB), Beto Nicácio (MA), Lila Cruz (BA) (Gibiteca Henfil)

19h às 20h: Lançamento do livro “Supervisão Psicopedagógica” e bate-papo “Linguagem, letramento e universo simbólico: a leitura e a escrita como meios de interação e inserção do sujeito cognoscente – um diálogo possível e urgente” com Suely Fermon (Pedagoga e Psicopedagoga), Dr. Iraquitan Caminha (Filósofo, Psicanalista, escritor, docente UFPB), Ms. Andréia Escarião (Psicóloga, Psicopedagoga, Docente UFPB), Mayara Almeida (Psicóloga, Psicanalista e escritora) (palco Nômade)

20h às 24h: Bailaço – Apresentação de Flaira Ferro, baile com Berra Boi e João Cassiano na discotecagem (Teatro de Arena)

 

DOMINGO (20/08/2017)

9h às 11h: Programação dos estandes

9h às 12h: Oficina “Histórias em quadrinhos e história política” com Márcio Rodrigues (MG/MA) (Gibiteca Henfil)

11h às 12h: Eu posso criar um jogo de tabuleiro com Geraldo Melo (Professor de arte e design no IESP, organiza evento como Espaço dos Jogos e SPA dos jogos e desenvolve jogos com a Estallo) e Felipe “Calangão” Headley (designer, produtor gráfico e desenvolve jogos junto com a Estallo) (palco Sérgio de Castro Pinto)

13h às 15h: Programação dos estandes

15h às 17h: Construindo quadrinhos com diversidade com Camila Cerdeira (CE), Germana Viana (PE/SP), Beto Potyguara (RN) (Gibiteca Henfil)

15h às 16h: A poesia paraibana entre a formação docente e o cenário brasileiro com Expedito Ferraz Jr. e Salomão Sousa, com mediação de Danilo Peixoto (palco Sérgio de Castro Pinto)

16h às 17h: Palhaço Xulé (Diocélio Barbosa) (palco Nômade)

17h às 18h: Show “Cantus Popularis” de Paulo Ró (palco Nômade)

18h às 19h: Bate-papo com Sérgio de Castro Pinto – Mediação: Lau Siqueira e Jamarri Nogueira (palco Nômade)

19h às 20h: Lançamento do livro “Economias da dança” de Joyce Barbosa (palco Sérgio de Castro Pinto)

18h às 20h: Censura e liberdade nas HQs com Juscelino Neco (PB/RN), Shiko (PB), Sirlanney (CE), Márcio Rodrigues (MG/MA) (Gibiteca Henfil)

20h:Music From Paraíba – Espetáculo musical “Uma rosa na face” de André Morais (Sala de Concerto)

 

 

Mais informações: Programação

funesc.pb.gov.br/agostodasletras

http://agostodasletras.tumblr.com/2017programacao

http://agostodasletras.tumblr.com/2017literatura

http://agostodasletras.tumblr.com/2017quadrinhos

 

Convidados da programação de literatura

http://agostodasletras.tumblr.com/tagged/ParticipantesLiteratura2017

Convidados da programação de Quadrinhos

http://agostodasletras.tumblr.com/tagged/ParticipantesHQ2017

Convidados da programação paralela

http://agostodasletras.tumblr.com/tagged/Programa%C3%A7%C3%A3oParalela2017