João Pessoa
Feed de Notícias

Agevisa participa de capacitação para aprimorar inspeção nos serviços de sangue da Paraíba

sexta-feira, 18 de agosto de 2017 - 18:19 - Fotos: 

Com o objetivo de ampliar a sua capacidade técnica de promoção e proteção da saúde das pessoas, a Agência Estadual de Vigilância Sanitária (Agevisa/PB) participou da Capacitação de Agentes do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS) para Inspeção em Boas Práticas no Ciclo do Sangue. Promovido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o curso foi realizado na cidade de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, no período de 07 a 11 de agosto de 2017.

“A Agevisa/PB participou ativamente da Capacitação, não somente para ampliar a qualificação técnica daqueles que a representaram no evento, mas para torná-los agentes multiplicadores dos novos conhecimentos, os quais serão repassados para outros profissionais do Sistema de Vigilância Sanitária da Paraíba a fim de fortalecer ainda mais os cuidados com a qualidade do sangue posto à disposição das pessoas no nosso Estado”, informou a diretora-geral Maria Eunice Kehrle dos Guimarães, que representou a Agevisa/PB juntamente com a gerente-técnica de Inspeção e Controle de Sangue e Hemoderivados, Iara Coeli da Nóbrega Lins, e com o inspetor Sanitário Sérgio Freitas.

Promovido pela Anvisa com a participação de diversos consultores especialistas no assunto, o curso teve como meta capacitar cerca de 80 técnicos responsáveis pelas atividades de inspeção em Serviços de Hemoterapia de 17 Estados da Federação. O objetivo central, segundo os organizadores, foi promover o aprimoramento das ações de inspeção; facilitar a descentralização dessas ações; divulgar novos conceitos e regulamentos da área, e também estreitar o relacionamento entre a Anvisa e as Vigilâncias Sanitárias Estaduais e Municipais, fortalecendo a competência da Anvisa como coordenadora do sistema em nível nacional.

Novos conhecimentos – Durante os cinco dias da Capacitação, os participantes tiveram acesso a novos conhecimentos sobre os seguintes temas: “Política, Regulação e Sistema Nacional de Vigilância Sanitária na área de Sangue”; “Visão Geral do Serviço de Hemoterapia – Quiz”; “Gestão de Qualidade e Boas Práticas no Ciclo do Sangue”; “Gestão de Equipamentos”; “Ciclo de Sangue: Captação, Recepção, Cadastro, Seleção de Doadores e Coleta de Sangue Total e por Aférese”, e “Triagem Laboratorial – Sorologia/Biologia Molecular”.

Também foram repassadas informações sobre os temas: “Triagem Laboratorial – Imuno-hematologia do Doador e do Receptor”; “Processamento de Hemocomponentes (produção, rotulagem, armazenamento e distribuição)”; “Controle de Qualidade de Hemocomponente”; “Transporte de Sangue e Componentes”; “Agência Transfusional, Terapia Transfusional e outros Procedimentos Terapêuticos”; “Reações Transfusionais/Hemovigilância e Retrovigilância”; “Marco Conceitual e Operacional da Hemovigilância”, e “Metodologia de Avaliação dos Serviços de Hemoterapia”.

Durante a Capacitação, os temas abordados foram tratados de forma teórica (propiciandoaos participantes uma noção básica sobre os aspectos técnicos envolvidos) e prática (por meio de Oficinas), proporcionando o aprofundamento das discussões sobre os critérios sanitários constantes na legislação vigente.

RDC nº 34/2014 – Para compor a carga de informações da Capacitação, foram considerados os principais aspectos sanitários constantes da Resolução de Diretoria Colegiada – RDC n° 34, de 11 de junho de 2014, da Anvisa/MS, que estabelece os requisitos de boas práticas para serviços de hemoterapia que desenvolvam atividades relacionadas ao ciclo produtivo do sangue e para serviços de saúde que realizem procedimentos transfusionais, incluindo captação de doadores, coleta, processamento, testagem, controle de qualidade e proteção ao doador e ao receptor, armazenamento, distribuição, transporte e transfusão em todo o território nacional.