João Pessoa
Feed de Notícias

Aesa registra aumento de até 20% no nível de açudes do brejo paraibano

quinta-feira, 25 de julho de 2013 - 11:19 - Fotos:  Secom/PB

Nos últimos dois meses, a paisagem no brejo paraibano vem sendo modificada pelas chuvas. Para alegria dos agricultores, o verde característico da região está se espalhando ainda mais pelo horizonte e os açudes ganharam volume. O nível dos reservatórios subiu entre 15 e 20%, segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa).

No início do mês passado, o reservatório Canafístula havia entrado em colapso, prejudicando o abastecimento de pelo menos quatro cidades. Na manhã desta quinta-feira (25), computadores da Sala de Situação do Governo do Estado, em Campina Grande, indicavam que a barragem localizada no município de Borborema estava com 29,3% e um fluxo normal no fornecimento de água para os moradores da região.

Este açude estava praticamente seco. Uma situação que nos preocupava, pois além de Borborema, esta barragem atende a população de Solânea, Bananeiras e Cacimba de Dentro. Mas as chuvas foram significativas e desde o final de semana que o nível está próximo dos 30%”, comentou o gerente de Monitoramento e Hidrometria da Aesa, Lucílio Vieira.

Durante o mês de junho, o açude Pirpirituba estava com 45% de sua capacidade, preocupando moradores da cidade. Hoje ele está com 60% e a perspectiva é de que até agosto estas porcentagens sejam maiores.

A realidade hídrica do Brejo está melhorando diariamente. Estamos acompanhando uma recarga significativa dos açudes também no Agreste e Litoral e a previsão é de que até o final do próximo mês haja um reabastecimento ainda maior”, informou o presidente da Aesa, João Vicente Machado Sobrinho.

No final de semana passado, as chuvas provocaram o sangramento de mais dois reservatórios monitorados pela Aesa: o açude São Salvador, localizado na cidade de Sapé, com capacidade para 12,6 milhões de metros cúbicos e a barragem Jangada, no município de Mamanguape, com 470 mil metros cúbicos.

Além destes, outros três reservatórios continuam sangrando: o açude Araçagi, que fica na cidade de mesmo nome e comporta 63 milhões de metros cúbicos; Gramame-Mamuaba, que fica no Conde e tem 57 milhões; além de Olho d’água, em Mari, com 868 mil. Os níveis de todos os açudes monitorados pelo Governo do Estado podem ser acessados no site www.aesa.pb.gov.br. Nesta página na internet também são disponibilizados boletins meteorológicos com a previsão do tempo para toda a Paraíba.