Fale Conosco

14 de novembro de 2012

Acusado de homicídios em Campina Grande é preso pela Policia



Uma equipe de agentes da Delegacia de Crimes Contra a Pessoa, de Campina Grande, prendeu nesta quarta-feira (14), Carlos André dos Santos, 22 anos, morador do Jardim Continental. Ele é acusado de participar de pelo menos seis homicídios, cujas vítimas são parentes de um dos líderes do tráfico de drogas.

Carlos André foi preso num bar localizado no município de Riachão dos Bacamartes, no Agreste paraibano. No ato da prisão ele portava um revólver calibre “38” e várias munições. Para tentar despistar as autoridades policiais e judiciais, o acusado apresentou documentos falsos (Identidade e Certidão de Nascimento), em nome de José Carlos André do Nascimento. Segundo o acusado, os documentos falsos foram comprados por R$ 1.000,00 no centro da cidade.

A delegada de Homicídios, Maira Roberta, vai encaminhar os documentos falsos para a Delegacia Especializada de Defraudações e Falsificações para que seja investigada a sua procedência. A delegada destacou o trabalho dos policiais, que há quase dois anos vinham investigando o suspeito. Segundo ela, a maior dificuldade para se chegar ao acusado era a falta de informações. “Ninguém quer falar, naturalmente temendo represálias”, disse.