João Pessoa
Feed de Notícias

Ação conjunta das polícias militar e civil reduz criminalidade em 29%

sábado, 28 de maio de 2011 - 21:48 - Fotos: 

Relatórios das Polícias Militar e Civil, entregues ao governador Ricardo Coutinho na noite desta sexta-feira (27), em Picuí, registram uma significativa redução dos índices de violência no Curimataú paraibano. O governador revelou alguns dados estatísticos durante a 9ª Plenária do Orçamento Democrático, realizada na cidade de Cuité.

Os homicídios caíram 29% e as tentativas de homicídio registraram queda de 25% em relação aos primeiros meses de 2010.  A lesão corporal baixou em 45%. O disparo em via pública, 40%, roubo, 29%, o furto teve queda de 52% e a apreensão de veículos irregulares teve aumento de 34%. Ricardo disse que os dados ainda não representam o que o governo quer, mas já se registra na Paraíba, com exceção da Grande João Pessoa, queda na criminalidade.

O governador ressaltou que o governo busca quebrar a impunidade e que quadrilhas estão sendo desarticuladas. Ele lembrou que a realidade é difícil em todo o país na área de segurança, mas, com dedicação e esforço, as polícias paraibanas estão contribuindo com a queda da criminalidade.

O comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar no Curimatáu, Afonso Galvão, informou que medidas preventivas articuladas em conjunto pelas duas polícias conseguiram reduzir e até superar a meta prevista pela Secretaria de Segurança e Defesa Social em termos de índices de violência.

A meta em torno de 12% nos próximos doze meses, de diminuição da criminalidade, foi superada, alcançando uma redução de 29% nos primeiros quatro meses do ano.

Na plenária do Orçamento Democrático, o item segurança pública ficou em terceiro lugar na demanda da população. O 9º Batalhão atua em 12 cidades da região, com 80 policiais.