João Pessoa
Feed de Notícias

A idéia é consolidar a piscicultura local, com apoio de entidades, bancos oficiais e órgãos da PB

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010 - 15:57 - Fotos: 

A população do Vale do Piancó estimada em 300 mil paraibanos terá uma alternativa de emprego e renda com a execução do Projeto Vale do Peixe, que foi apresentado em forma de oficina pelos técnicos do escritório regional da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater-PB) em Itaporanga, no final do mês de janeiro. A proposta do encontro foi construir o projeto que visa implantar e consolidar a piscicultura em tanques rede na região, com a participação de piscicultores, adeptos da atividade, representantes de entidades de classe, bancos oficiais e órgãos públicos do Estado e representantes dos municípios presentes no encontro.

Segundo a coordenadora regional do escritório da Emater-PB em Itaporanga, Maria de Lourdes Pereira, além de ser responsável pela mobilização do encontro e pela divulgação do projeto, caberá a empresa a construção de parcerias para pôr em prática a proposta do ‘Vale do Peixe’. “Ele será apresentado no primeiro edital do Programa Produzir Desenvolvimento, que tem a finalidade de apoiar os projetos produtivos no Estado e, com a prática, centenas de pessoas serão beneficiadas na região. Um comitê será encarregado de avaliar a sua qualidade técnica”, lembrou.

O engenheiro de pesca e assessor regional da Emater em Itaporanga, Elton José da Cunha, informou que o Projeto Vale do Peixe já desponta como o mais articulado da região e, caso seja aprovado, apresentará elementos para garantir a sustentabilidade ambiental, econômica, produtiva, social, organizacional, entre outros, dos 19 municípios envolvidos. “A ação poderá estimular a construção do Território da Pesca e Aquicultura do Vale do Piancó”, acrescentou.

Da Assessoria de Imprensa da Emater-PB